Entenda mais sobre a diferença entre assinatura eletrônica e digital

Sempre que é necessário validar um documento, é preciso assinar, correto? Mas e quando o serviço é online? Nesse caso você pode usar uma assinatura eletrônica.

Com essa solução tecnológica não há perigo de alguém tomar sua identidade e fazer o que bem entender, prejudicando você e seus bens. Para processos online, essa garantia digital é uma maneira de verificar se o emissor de um documento ou serviço é realmente quem ele diz ser.

A assinatura, como o próprio nome diz, serve para assinar qualquer documento eletrônico. Tem validade jurídica inquestionável e equivale a uma assinatura do próprio punho. É uma tecnologia que utiliza a criptografia e vincula o certificado digital ao documento eletrônico que está sendo assinado. Assim, dá garantias de integridade e autenticidade.

Com ela, a sua empresa ou o seu departamento elimina o processo manual de coleta de assinaturas, a remessa física de documentos, o reconhecimento de firmas e a gestão de documentos físicos, reduzindo custos, simplificando os processos e agilizando substancialmente a formalização dos documentos.

Como e quando utilizar?

Nas funções diárias, as assinaturas eletrônicas podem ser aplicadas nos mais variados tipos de documentos. Por possuírem valor jurídico, elas podem ser usadas para fechar contratos de alugueis, seguros, planos de saúde, formulários de RH, contratos de compra e venda com fornecedores, assinatura de serviços como TV a cabo, operações bancárias, notificações jurídicas, além de outras funcionalidades.

A validade e a admissibilidade legal da assinatura eletronica são garantidas pelo artigo 10 da MP nº 2.200-2 de 24 de agosto de 2001, que instituiu a Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileiras – ICP-Brasil, conferindo presunção de veracidade jurídica em relação aos signatários nas declarações constantes dos documentos em forma eletrônica.

Qual é a diferença entre assinatura digital e assinatura eletrônica?

O termo assinatura eletrônica se refere, de modo geral, a qualquer processo eletrônico que indique a aceitação de um contrato ou registro. O termo assinatura digital é frequentemente utilizado para se referir a um tipo específico de assinatura eletrônica.

Soluções típicas de assinaturas eletrônicas usam métodos comuns de autenticação eletrônica para verificar a identidade do signatário, como email, identificação corporativa ou uma senha por telefone. A autenticação multifator é utilizada quando é preciso aumentar a segurança. As melhores soluções de assinatura eletrônica demonstram prova de assinatura usando um processo seguro que inclui uma trilha de auditoria juntamente com o documento final.

Assinaturas digitais usam um tipo específico de assinatura eletrônica. Elas usam uma ID digital com base em certificado para autenticar a identidade do signatário e demonstram provas de assinaturas, vinculando cada assinatura ao documento com criptografia. A validação é feita por meio de Autoridades de Certificados de Confiança (CAs) ou Provedores de Serviços de Confiança (TSPs).

O serviço de assinatura eletrônica fornece ao seu usuário mobilidade, segurança, redução de custos, agilidade e simplificação. A Central RTDPJBrasil trabalha com assinatura eletrônica em todos os seus serviços, afinal estamos sempre visando à facilidade e agilidade para os nossos usuários.

Fonte: Central RTDBrasil

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts diretamente em seu e-mail.